Perlutan, informações básicas

Depoimento-de-quem-faz-uso-do-Perlutan

Perlutan é o nome comercial, tem os genéricos. A composição é a mesma, só muda o preço. Nele vem progesterona e estradiol: algestona 150 mg, e enantato de estradiol, 10 mg.

A perlutan, começa a ser liberada aos poucos, e logo nos primeiros dias. Nos primeiros dias ela vai liberar uma quantidade bem grande de estradiol. Basicamente é liberado por uns 7, 8 dias… depois disso é mais liberada a progesterona, que dura uns 20 dias, e uma quantidade bem baixa de estradiol.
Por isso, que tomar só perlutan não vai te garantir uma dosagem continua de estradiol durante todo o mês. Os níveis vão oscilar muito: primeiro ela libera uma grande quantidade de estradiol, e depois passa a liberar muito pouco. Assim, vc precisa complementá-lo entre as injeções com outro tipo de estradiol em comprimidos ( ver as associações que podem ser feitas, no tópico em específico; pra resumir, pode tomar elamax, climene ou estrofem).

“Ué, mas se ela só libera por 8 dias q quantidade de estradiol que eu preciso, então, é só aumentar a frrequência das injeções, não é? Injetar um por semana…” ( muito comum essa pergunta)
Não! Perlutan só pode ser aplicado, no máximo de 15 em 15 dias. Mais do que isso pode levar a complicações como aumento da prolactina e mesmo alterações na hipófise. Por isso, nada de tomar 1 perlutan por semana.

A Algestona ( progestágeno do perlutan), tem uma ação antiandrogênica, ajuda a diminuir portanto a produção de testosterona. Para algumas meninas mais jovens, essa ação pode ser o suficiente pra manter a testo baixa, dispensando os antiandrógenos. Para outras não. Isto, só os exames vão dizer.

“E qual o período que deve fazer exames?”

Sempre um dia antes da próxima aplicação. Se aplicar e logo em seguida for fazer exame, óbvio que vai dar um nível bem alto de estradiol, pois ele libera mais hormônios nos primeiros dias da aplicação. Mas como falei, isso dura pouco tempo. Você não vai ter aqueles níveis até a próxima injeção, entende? Logo é melhor fazer o exame, antes de aplicar a próxima injeção, assim, não há o risco de se superestimar um valor de estradiol sérico que não reflete o que ocorre durante o mês todo, e sim durante alguns dias.
Os efeitos colaterais, como retenção hídrica ( devido ao progestágeno), às vezes enjôo, são comuns durante as primeiras aplicações. Para ver mais sobre reações adversas, consulte a bula do perlutan.

Auto aplicação de Perlutan
A Perlutan é uma das medicações mais usadas por transexuais, e como muitas farmácias só aplicam com receita, há um grande número delas que, por não terem o acompanhamento médico, acabam tendo de recorrer a auto-aplicação.
Aplicar em si própria dá um nervoso nas primeiras vezes, por isso é importante ter segurança do que está fazendo, saber fazer corretamente, de modo a evitar que dê alguma coisa errado. Mas em geral, não é um bicho de sete cabeças.

Se for fazer, recomendo que leia bastante sobre injeções intramusculares na região glútea, veja certinho o local certo de aplicação e tome todas as precauções. Mas é recomendável que vc procure alguém com experiência em aplicar injeções, para evitar maiores transtornos.
Segue uma explicação resumida de como fazer.
-Faça antes de tudo uma antissepsia com álcool.
-Em seguida, abrir a ampola ( faça isso com um pano ou algo assim, pra evitar de se ferir quando for abrir a ampola),

Local recomendado para aplicação: Figura abaixo

-Aspirar seu conteúdo com a seringa, depois retirar todo o ar ( não pode ter ar na seringa, pois há risco de embolia) e depois aplicar no local previamente demarcado depois q a agulha estiver penetrada no glúteo aspire com a seringa para ver se não vem sangue (se vier sangue retire a agulha e penetre em um outro lugar que esteja na área do quadrante, aspire novamente se não vier sangue ai você injeta o medicamento).
-É sempre recomendável alternar a nádega em que se aplica. Deve ser aplicado com agulha 30 x 7 ou 30 x 8 na região glútea, profundamente.
Local recomendado para aplicação
figura mostrando como se deve tirar o ar da seringa
PERGUNTAS FREQUENTES:
1)Posso reutilizar a agulha?
Esqueça essa idéia, por mais que seja apenas na sua bunda que essa agulha vai entrar, os danos que se pode sofrer por reutilizar seringas é maior que o dinheiro que se economiza.
Pra quem não sabe, a ponta das agulhas vai se danificando a cada vez que é introduzida na pele… A ponta vai “engrossando”, ainda que a gente não veja isso a olho nu… E esse dano na agulha pode tornar-se pior cada vez que ela volta a ser utilizada pois a ponta torna-se frágil e pode até quebrar dentro da pele. Já pensou?
Além disso, por causa desse engrossamento, a agulha que se reutiliza não penetra na pele tão facilmente como uma nova, e isso pode causar dor, sangramento e hematomas.
Pra piorar, uma vez li em algum site que existe uma relação entre o reuso das agulhas e a o aparecimento de lipodistrofias no lugar de injeção. Pra quem não sabe o que é isso… Lipodistrofia é um “afundamento” da camada adiposa da região, no nosso caso, seria um afundamento da bunda na região da aplicação… Será que vale a pena?
Enfim, as agulhas são desenhadas para usar-se só uma vez.
2)Apliquei o perlutan, mas saiu um  pouquinho, isso significa que não fará efeito?
Não necessariamente. Depende da quantidade que sair. Por isso é sempre recomendável a aplicação em z ( leiam sobre), ela evita o refluxo do medicamento. Mas se for só um pouquinho, sua eficácia não será comprometida. Quando terminar de injetar a agulha, retire-a rapidamente, e comprima o local da injeção com um algodão. Não massageie o local da aplicação.
3)Teve um carocinho, um inchaço,  no local onde injetei, o que pode ser?
Este inchaço pode ter sido causador por :
1)irritação química local do medicamento:isso varia de pessoa pra pessoa , normalmente é pior nas primeiras aplicações (depois o corpo dá uma acostumada e as outras doem menos), varia também com a qualidade de aplicação (uma aplicação mal feita, em que você “treme” ao aplicar , ou entorta a agulha quando esta dentro, ou aplica muito rápido , tudo isso tende a dar mais irritação).É a complicação mais frequente.
2)infecção:se você não fez uma assepsia adequada(limpou a pele com álcool ou encostou a agulha em algum lugar ou na pele antes de aplicar , isso pode ter levado bactérias para dentro do músculo e causar uma infecção grave chamada abcesso. neste caso costuma ficar muito quente o local, muito vermelho , dar febre, dor de nao conseguir encostar, e fica latejando o local, neste caso procure um pronto socorro o quanto antes para avaliação medica, iniciar antibiótico e ver a necessidade de drenagem (tirar o pus) , não faça isso em casa, não fure que pode contaminar mais. É uma complicação rara mas que pode acontecer.
4) Fiquei com um pouco de dor nos dias posteriores a aplicação.
Isso geralmente acontece quando você aplicou com  o músculo muito contraído, ou se você ficou girando muito a agulha na hora de enfiar ela no local de aplicação. Lembre-se, não pode mexer muito.
* Se, por acaso, vc sentir muitos sintomas desagradáveis, logo após a aplicação, como tonturas, náuseas, isso significa que pode ter dado algo errado com a aplicação e ter entrado na corrente sanguínea. Lembrem-se: a pelrutan deve ser aplicada no músculo, o músculo vai digamos assim, abosorver o hormônio, e aos poucos sendo liberado. O perlutan é oleoso, não pode entrar em contato direto com o sangue. Enfim, se achar que está passando muito mal, procure ajuda.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s